28 de junho de 2023

Glossário da diversidade: saiba o que significa cada letra da sigla LGBTQIAPN+

A nova bandeira símbolo do movimento LGBTQIA+, com mais cores e elementos

Junho é o mês do orgulho, uma época importante para as pessoas que vivem, celebram e apoiam a diversidade. Durante o período, a a comunidade LGBTQIAPN+ e seus aliados ao redor do mundo trazem à tona o tema através de diversas ações, reflexões e eventos para promover a igualdade e combater a discriminação.

Mas antes de tudo, você sabe o que significa a sigla LGBTQIAPN+?

Ela é uma abreviação que representa diferentes identidades. Ou seja, cada letra representa um grupo de pessoas com experiências, orientações sexuais ou identidades de gênero específicas.

A sigla ganhou o primeiro formato apenas como LGBT e, ao longo do tempo, foi se tornando ainda mais inclusiva – tudo isso para abraçar e dar visibilidade a todo tipo de expressão. Até a bandeira foi atualizada, que agora reitera a representatividade de todos os que compõem a comunidade.

Confira o que significa cada uma das letras da sigla:

L = Lésbica:

É uma mulher (cisgênero ou transgênero) homossexual, ou seja, que sente atração sexual ou romântica exclusivamente por mulheres (também cis ou trans).

G = Gay:

É um homem (cisgênero ou transgênero) homossexual, ou seja, que se sentem atraídos exclusivamente por outros homens (também cis ou trans).

B = Bissexual:

Pessoa que tem a atração romântica ou sexual voltada tanto para pessoas do mesmo gênero quanto para pessoas de gêneros diferentes. Uma pessoa bissexual pode sentir atração por homens e mulheres, assim como por outras identidades de gênero.

T = Transsexual:

Pessoa que tem uma identidade de gênero que difere do sexo atribuído no nascimento. Uma pessoa transsexual pode ter nascido com características físicas e anatômicas de um determinado sexo, mas sua identidade de gênero é oposta a essa designação.

Pessoas que não são trangênero são chamadas de cisgênero. Ou seja, têm a mesma identidade de gênero do sexo atribuído ao nascimento.

Q = Queer:

É um termo amplo e inclusivo que é usado para descrever pessoas cuja identidade de gênero ou orientação sexual não se enquadra nas categorias tradicionais de masculino e feminino, ou heterossexual e cisgênero. O termo “queer” foi historicamente usado como um rótulo pejorativo, mas foi reapropriado e adotado pela comunidade LGBTQ+ como uma forma de resistência e afirmação.

I = Intersexual:

Termo usado para descrever pessoas que nascem com variações biológicas em relação às características sexuais típicas atribuídas aos sexos masculino e feminino. Pessoas intersexuais podem apresentar diferenças nas características genitais, cromossômicas ou hormonais que não se encaixam nas definições tradicionais de homem ou mulher.

A = Assexual:

É uma orientação sexual em que uma pessoa experimenta pouco ou nenhum interesse sexual por outras pessoas. Indivíduos assexuais podem ter pouca ou nenhuma atração sexual, mas isso não significa que eles não possam experimentar atração romântica, afetiva ou emocional por outras pessoas.

P = Pansexual:

É uma orientação sexual em que as pessoas desenvolvem atração física, amor e desejo sexual por outras pessoas independentemente de sua identidade de gênero. Sua diferença com a bissexualidade é o contexto histórico, seu movimento começou nos anos 80.

N = Não-Binário:

Pessoas que não se identificam exclusivamente como homens ou mulheres. Elas podem se identificar como ambos, nenhum ou um gênero diferente do tradicionalmente masculino ou feminino.

+

Além dessas identidades, o símbolo “+” representa todas as outras orientações sexuais, identidades de gênero e expressões de gênero que não são abarcadas pelas letras da sigla principal.

É claro que conhecimento não para por aqui. O importante, acima de tudo, é respeitar e acolher todas as cores, letras e pessoas. Estamos juntos na luta pela diversidade e inclusão.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *